Atualmente, considerado um ícone LGBT no universo do rock, Farrokh Bulsara, mais conhecido como Freddie Mercury, sempre preferiu manter seus relacionamentos amorosos longe dos holofotes.

Vintage Everyday

Sendo assim, talvez seja por isso que, quando você ver as imagens a seguir do cantor e seu último e grande amor, Jim Hutton, não poderá deixar de sentir uma estranha sensação de intimidade com os dois.

Vintage Everyday

O grande vocalista da Queen conheceu o cabeleireiro em meados da década de 1980, mas não foi nada como um conto de fadas. Freddie se aproximou de Jim em duas ocasiões em um balada, mas ambas sem sucesso. Contudo, foi na terceira vez, no mesmo lugar, que a persistência de Mercury venceu e, finalmente, os dois se uniram.

Vintage Everyday

Jim mudou de uma cidadezinha inglesa para o Garden Lodge, em Londres, para viver ao lado de Freddie. E os dois ficaram juntos até o falecimento do artista em 1991.

Vintage Everyday

Uma vez diagnosticado com AIDS, Freddie até sugeriu que o parceiro o deixasse, mas Jim se recusou.

Vintage Everyday

“Eu te amo, Freddie”, relembrou Jim qual foi a sua resposta, em um documentário. “Eu não vou a lugar nenhum longe de você”, completou ele.

Vintage Everyday

E foi assim, de fato. Jim estava ao lado de Freddie quando o cantor deu seu último suspiro.

Vintage Everyday

Veja abaixo quatro fatos sobre a vida do grande amor da vida de Freddie:

Vintage Everyday

4. Jim Hutton morreu aos 60 ano de idade devido a um câncer de pulmão.

No primeiro dia de 2010, Hutton morreu aos 60 anos de idade por causa de complicações de um câncer de pulmão, a apenas três dias de completar 61 anos.

Em 1990, ele foi diagnosticado com AIDS e lidou com isso até sua morte. Hutton, que cuidou de Mercury durante sua batalha contra a mesma síndrome, disse que levou um ano para dar a notícia a Mercury. Muitos acreditavam que Hutton havia morrido de complicações com AIDS, no entanto, foi revelado que sua morte foi causada por câncer de

pulmão.

Vintage Everyday

3. Hutton e Mercury usavam alianças de casamento durante o relacionamento

Hutton e Mercury não eram oficialmente casados, mas ambos usavam alianças de casamento para mostrar seu compromisso um com o outro.

Hutton e Mercury começaram seu relacionamento em um tempo muito antes do casamento entre pessoas do mesmo se xo e outras formas de igualdade que vemos hoje, que vários grupos têm feito campanha pelo último número de décadas.

Hutton viveu com Mercury na casa de Garden Lodge do cantor logo depois que eles começaram a namorar, onde permaneceram juntos até a morte de Mercury.

Vintage Everyday

2. Três anos após o falecimento de Mercury, Hutton publicou um livro detalhando seu tempo com o cantor intitulado ‘Mercury and Me’.

De acordo com o resumo do livro na Amazon, Hutton trabalhou como jardineiro de Mercury depois de se mudar para a mansão de Kensington do cantor, e ele nunca abraçou totalmente o estilo de vida do rock and roll, mantendo uma vida relativamente normal com seu namorado famoso.

A principal motivação de Hutton para escrever o livro foi de natureza terapêutica, revelou em uma entrevista concedida em 1994 ao jornal britânico The Big Breakfast, porque acreditava que isso o ajudaria a superar a morte de seu grande amor.

Vintage Everyday

1. Jim Hutton e Freddie Mercury eram ambos indivíduos particulares

Hutton e Mercury eram indivíduos extremamente particulares e, portanto, o relacionamento deles também. Só foi depois da morte de Mercury e do lançamento das memórias de Hutton em 1994 que os fãs puderam ter um vislumbre do relacionamento dos dois.

O livro inclui muitas fotos íntimas do casal de seus muitos anos felizes juntos.

Você conhecia essa perpectiva da vida do consagrado ídolo do rock? Conta nos comentários o que você achou!